5 Empreendedores que fracassaram antes de ter sucesso

Ideias inovadoras. Planejamento concluído. Investimento no lugar certo. Sucesso. Opa, sucesso? Ainda não. Nos negócios, e na vida em geral, nem sempre a primeira tentativa dá certo. É comum ver histórias de empreendedores que fracassaram antes de ter sucesso. Conheça algumas delas e use-as de incentivo para não desistir.

Conhecidas mundialmente ou não, são inúmeras as histórias de empreendedores que tiveram de lutar muito para realizar seus sonhos.

Do vendedor de verduras até o dono da empresa que mais rende no mundo, todos abriram mão de algo e continuam fazendo sacrifícios diariamente.

Ser empreendedor não é simples. Tem que ter planejamento, garra e, acima de tudo, dedicação para enfrentar as maiores dificuldades. Os nomes a seguir conseguiram isso. Confira o TOP 5!

#1 Steve Jobs

Certamente você já ouviu falar da trajetória de Steve Jobs, o co-fundador da Apple. A maçãzinha fez e ainda faz tanto sucesso que é difícil acreditar que tudo deu errado diversas vezes.

Até conseguir fazer com que a Apple se tornasse o que é hoje, Jobs passou por inúmeros problemas. Inclusive, foi demitido de sua própria empresa por conta do relacionamento com os colaboradores.

Após se ver em um período turbulento, ousou recomeçar comprando a LucasFilm. Após isso, fechou uma parceria com a Disney e criou a Pixar!, um dos maiores estúdios de computação gráfica, criadora dos filmes Toy Story e Monstros S.A.

Ao voltar para a Apple, Jobs revolucionou ao lançar iPhone, iPad, iMac e muitos outros aparelhos eletrônicos.

#2 Silvio Santos

Silvio Santos

Com carisma inigualável, Silvio Santos foi vendedor ambulante e se tornou uma das maiores personalidades do Brasil. O empreendedor vendeu canetas, capinhas, serviu ao exército e já foi até animador.

Ao sofrer um acidente em seu trabalho na barca, onde organizava bingos e vendia bebidas aos passageiros, Silvio foi convidado para ir a São Paulo e acabou trabalhando com espetáculos de circo.

Nesta mesma época, conheceu Manoel da Nóbrega, que não estava conseguindo administrar bem o Baú da Felicidade. Silvio o ajudou e não só isso: levantou a marca e assumiu o controle. A partir disso, se tornou um empresário bem-sucedido e conhecido pela persistência e confiança.

#3 Walt Disney

Walt Disney

Uma lista de empreendedores que fracassaram sem Walt Disney não seria completa. Sua primeira empresa de animação faliu porque não conseguia cumprir os prazos: seu perfeccionismo o atrapalhou

Devendo uma fortuna aos credores, resolveu ir para a Hollywood. Foi lá que surgiu o Mickey Mouse, personagem que, literalmente, o tirou da miséria. Mesmo sendo desencorajado dezenas de vezes, ele não desistiu e tentou, até estruturar um império.

#4 Richard Branson

Richard Branson

Ele já apostou em mais 100 companhias, e boa parte delas não vingou. Aquela que o levou ao sucesso foi a loja de discos, que depois se tornou uma gravadora, a Virgin Records.

Mas em sua trajetória de erros e acertos, Branson já investiu em companhia aérea, banco, marca de lingeries, clube de vinho, vestidos de noiva e até em viagens ao espaço.

Mas seu grande fracasso talvez tenha sido aquele que é o mais citado até hoje, a Virgin Drinks. A marca tinha como carro-chefe a Virgin Cola, concorrente da Coca-Cola. Em pouco tempo, ela fechou as portas.

No entanto, Branson nunca se deixou a abater com os negócios que não deram certo. Pelo contrário, ele acredita que os erros são importantes para o sucesso.

“Toda pessoa, e especialmente todo empresário, deve receber o fracasso de braços abertos. É somente por meio dele que aprendemos. Muitas das mentes mais excelentes do mundo aprenderam isso do pior jeito”, escreveu em seu blog pessoal.

#5 J.K. Rowling

J.K. Rowling

Escrever é empreender. Desempregada e mãe solteira, Joanne Rowling começou a escrever Harry Potter para passar o tempo enquanto lidava com problemas financeiros e emocionais. O hobby virou empreendimento quando decidiu oferecer o primeiro livro para editoras.

Foram oito editoras e todas elas disseram não, até que Rowling conseguiu aprovação da Bloomsbury Press, em 1997. A série do pequeno bruxo ganhou o mundo, sendo traduzida para mais de 60 idiomas.

Rowling é a mulher mais influente do Reino Unido e uma das mais ricas do mundo.

 

Fonte: https://financeone.com.br/5-empreendedores-que-fracassaram-antes-de-ter-sucesso/

 

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Deixe uma resposta

Gestor

Paulo de Vasconcellos Filho, 67 anos, atua como Consultor há 43 anos orientando processos de Planejamento Estratégico em 378 empresas de pequeno, médio e grande porte, que atuam nos mais diversos setores. Publicou seis livros sobre Planejamento Estratégico, sendo o primeiro em 1979 e o mais recente publicado pela Editora Campus, com o título “Construindo Estratégias para Vencer!”

Receba nossas novidades

Estratégias que merecem destaque

Registre-se aqui para receber em seu e-mail nossas novidades.

Patrocinadores

Temas