Afinal, o que é APRENDEDORISMO ?

empreendedorismo 1

Empreender em qualquer lugar do mundo é um desafio mas no Brasil, o desafio chega a ser ameaçador.

É preciso APRENDER o tempo todo. Aprender e reaprender. Adaptar-se às mudanças do mercado, da economia, da legislação. O aprendedorismo é uma missão cotidiana e imperativa para aqueles que se lançam a oferecer algo inovador ao mercado.

E não me refiro ao negócio em si.

A burocracia para abrir e manter aberta uma empresa é enorme e cheia de “alternativas” que podem inviabilizar o negócio. Além disto, regras obsoletas do ponto de vista tributário, fiscal, jurídico, contábil e trabalhista dificultam ainda mais as decisões.

A facilidade com que regras e leis são mudadas, muitas vezes de maneira quase sigilosa, é intrigante. Mudanças de alíquotas de impostos, regras de faturamento, prazos para recolhimentos de impostos e encargos,  itens avaliados em vistorias desnecessárias e improdutivas, dentre outros.

E não apenas o governo em suas esferas federal, estadual e municipal, mas também os sindicatos alteram cláusulas na relação trabalhista com o intuito de preservar ou ampliar os benefícios para os empregados sem contudo, avaliar os efeitos que possam provocar nas empresas, incluindo inviabilizá-las do ponto de vista financeiro e econômico.

Porque o Brasil tem poucas empresas inovadoras? Porque poucas empresas bem sucedidas? Porque temos poucos destaques mundiais? Porque é desanimador! Porque é hercúlea a inglória tarefa de aprender e se adaptar à mudanças imperativas, imediatas e por muitas vezes irresponsáveis que acontecem, todos os dias. Mudanças externas e alheias ao negócio da empresa. Porque afasta o foco dos empreendedores dos seus negócios e utiliza boa parte da energia deles em tarefas burocráticas e na reestruturação das empresas para se adaptarem à mudanças de regras e leis impostas à empresa.

E quando o empreendedor aprende e finalmente adapta a empresa à nova realidade, as leis e as regras mudam novamente. Algumas vezes para a situação que estavam antes, retrocedendo, mas que exigem nova adaptação.

Quer ser um Aprendedor, prepare-se e aprenda!

William Tadeu da Silveira
Entusiasta de apps
CEO da Mobilus Tecnologia
www.mobilus.com.br

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Este post tem 2 comentários

  1. Avatar
    Geraldo Chamone

    Excelente.

    Parabéns

Deixe uma resposta

Gestor

Paulo de Vasconcellos Filho, 67 anos, atua como Consultor há 43 anos orientando processos de Planejamento Estratégico em 378 empresas de pequeno, médio e grande porte, que atuam nos mais diversos setores. Publicou seis livros sobre Planejamento Estratégico, sendo o primeiro em 1979 e o mais recente publicado pela Editora Campus, com o título “Construindo Estratégias para Vencer!”

Receba nossas novidades

Estratégias que merecem destaque

Registre-se aqui para receber em seu e-mail nossas novidades.

Patrocinadores

Temas