Sucessão planejada e sucesso empresarial

Foto JM POSSE

A empresa é um organismo vivo que precisa se cuidar para manter-se saudável. A inteligência coletiva da organização é a sua mente, que envolve inteligência, expertise, vocação e capacidade de empreender e inovar. A estrutura organizacional, processos, equipamentos e tantos outros bens compõem o corpo. Corpo e mente são essenciais, mas não suficientes para os negócios. O segredo está na atmosfera organizacional, na proposta de valor, no nível de motivação das pessoas, que inspiram o comprometimento das equipes e constituem a alma do empreendimento.

A alma é efeito das habilidades da liderança. Assim, é vital a manutenção de uma liderança sensível, focada em resultados embalados em valores, o que não significa a manutenção dos mesmos líderes. Mudanças são salutares e muitas vezes imperativas. Cada momento exige um perfil apropriado de líder, especialmente do executivo principal. O líder deve estar sempre alinhado com a cultura organizacional, ter energia e determinação para preservar a essência da organização que a torna única: a alma. Parafraseando o publicitário Washington Olivetto, “o que fizermos na empresa não deverá ser a alma do negócio, mas o negócio da alma”.

No caso da sucessão de líderes, para que seja com baixo estresse e sem rompimentos, é importante que seja um processo, um rito de transferência de poder, o encadeamento de ações que mantenham a empresa competitiva, saudável e firme na conquista de suas legítimas ambições. Sendo um processo e não um ato cirúrgico, a não ser em casos excepcionais, a sucessão planejada e com base em atributos técnicos e comportamentais conseguirá garimpar, de forma transparente, um novo líder que possa até intervir na mente e no corpo da empresa. Na alma jamais. Com o encadeamento planejado e transparente, a consequência do rito de sucessão será inevitavelmente o sucesso, pois será percebido como natural e salutar para a mente, o corpo e a alma da organização.

Júlio Miranda
Diretor do Conselho de Presidentes e da MirandaConsult
julio@conselhodepresidentes.net

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Este post tem um comentário

  1. Avatar
    Agulhô

    Bacana, Júlio. Especialmente a alma, é o que de mais carecem as empresas. ÂNIMA e ação.

Deixe uma resposta

Gestor

Paulo de Vasconcellos Filho, 67 anos, atua como Consultor há 43 anos orientando processos de Planejamento Estratégico em 378 empresas de pequeno, médio e grande porte, que atuam nos mais diversos setores. Publicou seis livros sobre Planejamento Estratégico, sendo o primeiro em 1979 e o mais recente publicado pela Editora Campus, com o título “Construindo Estratégias para Vencer!”

Receba nossas novidades

Estratégias que merecem destaque

Registre-se aqui para receber em seu e-mail nossas novidades.

Patrocinadores

Temas